Encontrar maneiras para aumentar a produtividade dos colaboradores é um dos maiores desafios para a competitividade das empresas do Brasil.

De acordo com um estudo realizado pelo Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper), em parceria com a consultoria Oliver Wyman, a produtividade do trabalhador brasileiro é pior atualmente do que em 1994.

Intitulado “Renda e Produtividade nas Duas Últimas Décadas”, esse estudo mostra que o índice PTF (produtividade total dos fatores) no Brasil, caiu de 69% em 1996 para 48% em 2014. Se comparado aos índices norte-americanos, essa é uma queda bastante acentuada.

Embora no final dos anos 1990 outros países da América Latina também tenham apresentado resultado negativos, apenas o Brasil continuou em declínio a partir de 2000, atingindo seu pior valor em 2016, igualando-se aos países emergentes.

Qual seria a causa desse problema?

O que motiva a baixa produtividade?

Há uma série de razões para a dificuldade de aumentar a produtividade no Brasil, destacando principalmente os baixos níveis de escolaridade e o investimento escasso em infraestrutura. Também devem ser levados em conta o estresse e os problemas de saúde, pois afetam a produtividade do colaborador.

O estresse pode estar associado ao mau desempenho e aos erros cometidos no trabalho, possivelmente devido à falta de concentração e perda de memória. Já os problemas de saúde em geral estão ligados ao presenteísmo – quando os colaboradores vão adoecidos ao trabalho e, por isso, produzem bem menos do que produziriam se estivessem saudáveis.

Os líderes empresariais devem buscar, portanto, medidas preventivas que garantam a saúde e o bem-estar de seus colaboradores – o que consequentemente ajudará a aumentar a produtividade da equipe.

Atividade física ajuda a aumentar a produtividade

Muitos executivos ainda acreditam que permitir que os funcionários se exercitem durante o dia de trabalho pode atrapalhar a produção. Contudo, diversas empresas já descobriram que a prática de atividades físicas pode melhorar os indicadores de produtividade da equipe e gerar muitos benefícios, como:

  •  Gera bom humor

Todas as substâncias químicas que surgem em nosso corpo após um treino proporcionam a sensação de bem-estar e melhoram o humor.

  • Aumenta os níveis de energia

Esse é um fator absolutamente essencial para empresas que buscam aumentar a produtividade. A atividade física funciona de duas maneiras: não apenas melhorando a força muscular e aumentando a resistência, como também afetando a produção de energia em nível celular, o que ajuda o cérebro a trabalhar de modo mais eficiente.

  • Aprimora a precisão mental

O exercício físico aumenta o fluxo sanguíneo para o cérebro, ajudando a manter a mente alerta e focada no trabalho. Um colaborador mais concentrado é um trabalhador muito mais produtivo.

  • Eleva a motivação

As mesmas substâncias químicas que geram bem-estar e um sentimento de realização depois de um bom treino podem impulsionar a motivação e entusiasmo.

  • Melhora a saúde física

Não há dúvidas de que nosso bem-estar físico e nossa saúde emocional podem afetar a nossa produtividade. A atividade física regular ajuda a melhorar o sistema imunológico, o que reduz as chances de desenvolver doenças.

Sua equipe não só estará em condições de executar o trabalho, mas também passará menos dias ausente por motivos de doença – e a produtividade começará a aumentar.

Mas como garantir que os colaboradores levem a saúde a série e façam da atividade física uma prática regular em seu cotidiano?

Incentive a prática de atividade física

Confira a seguir algumas dicas para favorecer a prática de exercícios físicos no trabalho:

1) Tenha uma boa comunicação

 Os programas de saúde e bem-estar funcionam melhor se os funcionários estiverem cientes de todos os benefícios que você oferece. Uma boa comunicação é fundamental para envolver os funcionários em atividades físicas e outras iniciativas de bem-estar.

Lembre-se de conscientizar sua equipe sobre como os exercícios físicos podem beneficiá-los.

2) Seja flexível

 Uma das desculpas mais comuns para as pessoas não se exercitarem é o bom e velho: “Eu não tenho tempo”. Fazer com que sua equipe se exercite é uma das formas mais simples e eficazes de aumentar a produtividade.

Portanto, adotar um horário flexível que permita aos colaboradores ter tempo para a atividade física, é uma medida lucrativa para todos.

Foque no que seus funcionários podem alcançar, e não na hora em que batem o cartão no trabalho. Ofereça horários que permitam aos colaboradores ir à academia antes do trabalho ou ir ao escritório de bicicleta, por exemplo.

Incentive sobretudo a prática de exercícios no período da manhã. O desempenho, o gerenciamento do tempo e a precisão mental costumam ser consistentemente mais altos depois que os funcionários se exercitam. Fazendo isso pela manhã, a equipe começará o dia produtivamente.

3) Torne a atividade física acessível

Não dê brechas para que seus colaboradores encontrem desculpas para evitar a atividade física. Torne o mais acessível possível que eles cuidem da saúde enquanto cumprem seus compromissos do trabalho. Isso pode significar a instalação de duchas, o fornecimento de armários ou bicicletários, dentre outras medidas.

Uma solução prática e efetiva é oferecer em seu programa de qualidade de vida benefícios de atividade física, como planos em que os colaboradores pagam um valor acessível e podem frequentar academias em todo o Brasil.

Saiba mais sobre esse benefício e comece hoje mesmo a agir para aumentar a produtividade da sua empresa:

Aumentar produtividade equipe (banner oferta)

(Visited 263 times, 1 visits today)

Comments

comments

This post is also available in: España France Italia United Kingdom United States