Benefícios para funcionários são um assunto cada vez mais em alta entre líderes empresariais e gestores de RH. Preocupados em garantir que os benefícios oferecidos à sua equipe gerem ROI, as empresas estão cada vez mais cuidadosas em sua escolha.

Isso acontece porque, entre outros fatores, um bom retorno sobre investimento resulta em maior retenção de pessoal, aumento de produtividade e redução dos gastos com faltas ao trabalho dos colaboradores.

Alguns dos benefícios mais comumente oferecidos pelas empresas são:

Mas, quando você não compreende bem como fazer essa escolha, os benefícios para funcionários podem se tornar um desperdício de recursos. Obter os resultados desejados depende de como os colaboradores desfrutam dos benefícios que você oferece.

Então, como saber o que a sua equipe realmente deseja sem correr o risco de investir em benefícios que simplesmente não serão apreciados? Separamos algumas dicas para te ajudar!

Construindo pontes entre o RH e a equipe

Tem certeza de que sabe o que seus colaboradores desejam? Uma pesquisa do Jobsite diz que a maioria dos líderes de RH erra quando se trata de escolher benefícios para funcionários.

Enquanto 62% dos RHs avaliam seu pacote de benefícios como “muito bom” ou “suficientemente bom”, apenas 47% dos membros da equipe concordam. Isso mostra que existe uma grande diferença entre o que o RH acredita que os colaboradores querem e o que a equipe de fato deseja.

Assim, para que os benefícios sejam alinhados aos desejos e necessidades de todos, você vai precisar ouvir seus funcionários. Uma boa comunicação com a equipe pode influenciar positivamente em como os benefícios serão recebidos.

Pacotes de benefícios flexíveis

Personalizar os benefícios para funcionários é a estratégia mais apropriada para atender à força de trabalho de hoje. Está na hora de o RH usar uma abordagem diferente, já que um único pacote de benefícios não responderá de modo eficaz à demanda de uma equipe diversificada.

Parece razoável, por exemplo, que  benefícios como aposentadorias interessem mais aqueles que estão perto de se aposentar do que os mais jovens. A preferência por um benefício X em relação a um Y pode variar de acordo com a idade o gênero e o momento de vida do colaborador.

É o que podemos perceber ao observar o programa de benefícios para funcionários oferecido pela Telefônica. Contemplando assistência médica, seguro de vida, farmácia, acesso à academias, entre outros benefícios, o programa é flexível e se adapta às necessidades do trabalhador.

O colaborador escolha em quais benefícios deseja dar upgrade ou downgrade. Se uma mulher engravida e, por causa disso, deseja um plano de saúde melhor, ela pode fazer upgrade em “assistência médica” e downgrade em “vale alimentação”, por exemplo.

De acordo com a própria empresa, cerca de 76% dos colaboradores já mudaram seus planos em 3 ou mais benefícios dentre os 7 ofertados. Além disso, essa flexibilidade dos benefícios é apontada como uma das principais estratégias de retenção de talentos da empresa.

Desse modo, nota-se que a melhor maneira de garantir que os benefícios para funcionários que você oferece serão bem aproveitados, é procurar conhecer os profissionais que trabalham em sua empresa.

Por meio de pesquisas de satisfação você pode mapear as verdadeiras necessidades dos seus colaboradores e adaptar os benefícios de acordo com as preferências e demandas observadas.

Nada de truques

O recrutador Michael Page realizou uma pesquisa que mostra a maioria dos trabalhadores entrevistados (70%) reconhece que os benefícios no local de trabalho, como as massagens, nada mais são do que um “truque”.

Mesas de ping-pong e cochilos podem parecer uma boa escolha para atrair os talentos da nova geração, mas esses benefícios não têm valor duradouro. É preciso investir em benefícios que gerem resultados positivos a longo prazo.

Dicas de benefícios para funcionários satisfatórios

Embora para muitas pessoas o salário ainda seja o fator mais atrativo em um emprego, é nas mãos dos benefícios que está a diferença entre reter seus talentos ou perdê-los para um concorrente. Certifique-se de que você está escolhendo corretamente os benefícios que vai oferecer.

Resumindo, você pode seguir essas dicas para ajudá-lo a obter os resultados desejados:

  1. Ouça como a equipe está respondendo ao seu pacote de benefícios. Isso pode incluir pesquisas e grupos de foco.
  2. Adapte os benefícios à sua força de trabalho, tendo em mente que diferentes demografias irão influenciar as prioridades dos funcionários.
  3. Considere oferecer pacotes de benefícios flexíveis.
  4. Comunique os benefícios à equipe regularmente – você pode descobrir que eles são recebidos de forma mais positiva quando os funcionários estão mais bem informados sobre o que está sendo oferecido.
  5. Use tecnologia para fazer análises de dados para entender a demanda da equipe;
  6. Esqueça-se dos truques. Os funcionários querem benefícios reais e práticos.
  7. Descubra quais são as vantagens que seus concorrentes estão oferecendo.

Agora que você entendeu como os benefícios, quando bem aplicados, podem ser uma grande ferramenta nas mãos do RH, convidamos você a conhecer um dos mais desejados pelos funcionários e com ROI comprovado

roi_beneficios_empresa

(Visited 151 times, 1 visits today)

Comments

comments

This post is also available in: América Latina (MX, CL, AR) España France Italia United Kingdom United States