O sucesso é o desejo de cem por cento dos empreendedores. Contudo, alcançá-lo requer a adoção de diversas estratégias que, em conjunto, conduzem ao tão almejado êxito. Na busca por esse objetivo todos os setores da empresa devem colaborar, caminhando lado a lado e atuando de forma conectada, alinhada aos objetivos da corporação e à cultura organizacional.

O departamento de pessoal não deve ficar de fora desse processo. Ao contrário, dispor de um RH estratégico é fundamental para assegurar a efetividade dos trabalhos e o alcance dos resultados traçados.

Foi-se o tempo em que o setor de recursos humanos se preocupava apenas com os processos de recrutamento e desenvolvimento de pessoal. Atualmente, cada vez mais se exige dessa área uma atuação dinâmica e proativa, influindo decisivamente na concretização das metas.

Identificar os pontos fracos e fortes da organização, propor mudanças e adequações necessárias e desenvolver projetos específicos para o alinhamento dos talentos ao perfil organizacional e às necessidades de crescimento despertadas diariamente pela economia são algumas das novas atribuições do setor.

O RH não deve mais se restringir aos cuidados com processos operacionais ou burocráticos, devendo atuar de forma inovadora e assertiva, de modo a ser mais um setor estratégico da empresa. Você sabe como fazer isso? Como utilizar o setor de recursos humanos a serviço do desenvolvimento empresarial e do alcance dos resultados perseguidos pela organização?

Neste post daremos 6 dicas de como ter um RH estratégico e de como esse setor pode auxiliar a empresa. Confira!

1. Estabeleça uma comunicação interna efetiva

A comunicação é um instrumento de suma importância dentro de uma organização. É por meio dela que os líderes disseminam as coordenadas que devem nortear o negócio e estabelecem como as atividades devem ser desenvolvidas dentro da empresa. Por ela os colaboradores também manifestam suas opiniões e sentimentos com relação à organização, participando ativamente de todos os processos.

Uma comunicação interna efetiva também tem, portanto, o mérito de integrar as equipes e aproximar os colaboradores do perfil e da cultura organizacional, contribuindo decisivamente para o êxito e a fluidez dos trabalhos.

Nesse sentido, o RH estratégico pode ser um importante aliado da empresa quando o assunto é proporcionar essa integração entre os líderes e os subordinados, pois lhe cabe o papel de intermediar essa relação, alinhando os trabalhos desenvolvidos pelos funcionários às diretrizes empresariais.

Assim, através de uma comunicação clara acerca das metas perseguidas e dos objetivos da empresa, os trabalhadores têm conhecimento do seu papel e podem trabalhar de maneira mais contundente para o alcance dos resultados.

2. Busque o intercâmbio intersetorial

O RH não deve ser um setor desconectado dos demais — muito ao contrário! O trabalho conjunto e o intercâmbio de informações entre os vários segmentos da empresa são decisivos para a obtenção de melhores resultados.

Conhecendo os desafios enfrentados pela empresa nos seus mais diversos setores, torna-se possível para o departamento de pessoal implementar mudanças e fomentar condutas significativas na organização, de modo a canalizar os esforços dos colaboradores às necessidades primordiais do negócio.

3. Dê feedback aos colaboradores

Informar aos colaboradores os resultados da sua atuação para o alcance de metas pela empresa é primordial para fomentar as condutas satisfatórias que estão sendo adotadas e também para corrigir eventuais falhas na execução das tarefas pela equipe.

Por isso, o feedback se torna uma ferramenta estratégica para que o RH conduza os trabalhos dos colaboradores de forma cada vez mais assertiva e eficaz, buscando sempre a otimização das atividades, por meio da correção dos erros e do aperfeiçoamento das técnicas.

4. Envolva os trabalhadores na cultura organizacional

A cultura organizacional é o elemento que dá vida e individualidade à organização frente às demais empresas. Isso porque ela é o conjunto de valores, crenças e propósitos que constituem a sua razão de ser e a finalidade para a qual foi idealizada, além de ter impacto direto no grau de motivação e entusiasmo das equipes de trabalho.

Sendo assim, é fundamental que o RH busque maneiras de envolver os trabalhadores na cultura empresarial, estimulando a valorização da empresa pelos colaboradores e incitando-os a dar o seu melhor em prol dos objetivos almejados pela instituição e do atingimento das metas por ela traçadas.

Esse envolvimento e entrosamento entre profissionais e empresa pode ser fomentado por uma série de políticas internas como o endomarketing, a concessão de benefícios aos trabalhadores mais dedicados e produtivos, e também a oportunidade de que os trabalhadores participem ativamente dos processos decisórios e do estabelecimento das metas.

5. Desenvolva os colaboradores

Outra excelente forma do RH contribuir para o alcance de metas pela empresa é através do desenvolvimento dos colaboradores. Com a competitividade cada vez mais acirrada do mercado e as constantes mudanças na economia, torna-se indispensável que as equipes estejam preparadas para fornecer respostas rápidas às mais diversas demandas surgidas no dia a dia empresarial, contribuindo para manter a competitividade da empresa e a excelência dos trabalhos.

Assim, é fundamental que o RH procure fornecer periodicamente cursos e treinamentos aos trabalhadores, de modo a qualificá-los e proporcionar-lhes o instrumental necessário à execução eficiente e assertiva de suas funções.

Também é desejável que ele acompanhe o seu desenvolvimento e o quanto os treinamentos fornecidos influenciaram no crescimento da empresa e na obtenção de resultados, tanto a curto quanto a longo prazo.

Com profissionais qualificados e bem treinados, a empresa terá chances muito maiores de atingir as metas traçadas, por mais audaciosas que elas possam parecer.

6. Busque a retenção de talentos

A retenção de talentos é, atualmente, uma das estratégias mais importantes de uma empresa, uma vez que possuir bons profissionais em seus quadros de colaboradores é um importante diferencial em um mercado cada vez mais competitivo.

E, nesse aspecto, contar com um RH estratégico é primordial para assegurar que a empresa continue crescendo e se desenvolvendo, a despeito das dificuldades e das crises, conseguindo manter os talentos motivados e leais à instituição e às metas estabelecidas.

Para tanto, é preciso que o departamento de pessoal implemente ações para melhorar o clima organizacional — tão importante para evitar o turnover — e para manter a motivação e satisfação da equipe, tornando-a cada vez mais comprometida e engajada aos objetivos empresariais e com o sucesso do empreendimento.

E na sua empresa, como o RH auxilia para o alcance das metas? Conta para gente nos comentários! 🙂

tendencias_globais_de_saude_e_bem_estar

reduzir_custos_comsaude_sinistralidade_absenteismo

(Visited 487 times, 1 visits today)

Comments

comments